Hipersensibilidade dentinária

Porque ocorre e como tartar

 

A sensibilidade dentinária é uma resposta dolorosa normal do dente frente a algum estímulo danoso. A hipersensibilidade dentinária seria uma sensibilidade excessiva  frente a alguma agressão. 

Como sei que a dor ao frio e ao quente que estou sentindo é de cárie ou não?

Somente um exame clínico criterioso executado pelo dentista irá determinar a causa da dor.

 

Quais as causas da Hipersensibilidade dentinária?

Essa dor está relacionada a exposição da dentina ao meio bucal.  O dente é formado por esmalte, cemento, dentina e polpa (nervo). A dentina fica coberta pelo esmalte ou pelo cemento e a natureza é sábia por proporcionar isso. Sabe aquela dor desagradável durante uma restauração com o motor e sem anestesia? Pois é, quem proporciona essa dor são as terminações nervosas que estão presentes na dentina. Quando por algum motivo a dentina fica exposta qualquer estímulo seja térmico ou tátil irá desencadear uma dor no dente, que é reversível.

Essa exposição pode ser pela perda do esmalte por processos de erosão (desgaste por substâncias ácidas) ou abfração (desgaste por mordida traumática) ou por desnudamento da superfície radicular pela retração gengival ou pelo tratamento periodontal.

 

 

Como faço para tratar?

O cirurgião dentista avaliará as possíveis modalidades de tratamento, mas o mais importante é detectar a causa e depois partir para a resolução da dor. O tratamento das causas vai desde uma modificação da dieta, correção da mordida com uso de aparelho, placas e ajustes ao recobrimento da raiz exposta com cirurgia ou restaurações adequadas nos dentes que sofreram abfração ou erosão. Há também o uso do laser terapêutico e de substancias dessensibilizantes que podem ser aplicadas pelo cirurgião dentista no consultório ou recomendadas para o uso diário na forma de creme dental.

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon
  • Grey Instagram Ícone

© 2023 por Nós Sorrimos. Criado orgulhosamente com Wix.com